Avaliando a eficiência das bibliotecas públicas mineiras

Bastos-Braga, Gustavo and Marques-Ferreira, Marco Aurelio Avaliando a eficiência das bibliotecas públicas mineiras. Revista Interamericana de Bibliotecología, 2013, vol. 36, n. 3, pp. 173-182. [Journal article (Paginated)]

[img]
Preview
Text
v36n3a1.pdf - Published version
Available under License Creative Commons Attribution Non-commercial.

Download (833kB) | Preview

English abstract

Public library oriented policies are vital for the promotion of culture in modern society. Based on the standpoint of several authors, such as Nielsen, Borlund, Makin and Craven, libraries are considered a source of development and inclusion. Given the importance of this theme, this article aims at evaluating municipal public libraries in the state of Minas Gerais, in Brazil. In order to achieve this goal, we chose a quantitative approach, which was implemented through the Data Envelopment Analysis (DEA) model. The findings pointed out that municipal public libraries from Minas Gerais have low average efficiency, and the adopted public policies may have contributed for this scenario.

Portuguese abstract

As políticas voltadas para as bibliotecas públicas são vitais para a promoção da cultura na sociedade. Norteando-se pela óptica de diversos autores como Nielsen, Borlund, Makin e Craven as bibliotecas são fonte de desenvolvimento e inclusão. Dada à importância do tema esse artigo tem por escopo deste artigo, avaliar as bibliotecas públicas municipais do estado de Minas Gerais. Para tal objetivo, utilizou-se uma abordagem quantitativa, através de uma Análise Envoltória de Dados (DEA). Os resultados apontaram que as bibliotecas públicas municipais mineiras em média tem uma eficiência baixa, e que políticas públicas podem ter contribuído para esse cenário.

Item type: Journal article (Paginated)
Keywords: Políticas Públicas, Bibliotecas públicas, DEA, Minas Gerais; public policies, public libraries, DEA, Minas Gerais
Subjects: B. Information use and sociology of information > BA. Use and impact of information.
D. Libraries as physical collections. > DC. Public libraries.
Depositing user: Luis Carlos Toro Tamayo
Date deposited: 19 May 2014 12:22
Last modified: 02 Oct 2014 12:30
URI: http://hdl.handle.net/10760/22652

References

"SEEK" links will first look for possible matches inside E-LIS and query Google Scholar if no results are found.

ABREU, M. (2003). Os caminhos dos livros. Revista Brasileira de História da Educação, (pp. 197).

BARRETO, A. D. A. Políticas nacionais de informação, Salvador, 2004. Disponível em: < http://www.aldoibct. bighost.com.br/download/pesquisa/cinform.ppt >. Acesso em: 11 jul. 2013.

BIBLIOTECA NACIONAL (Brasil). Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas: Histórico. Rio de Janeiro, 2006. Disponível em: <http://www.bn.br/snbp/historico.html >. Acesso em: 01 julho. 2013.

BROPHY, P., CRAVEN, J. and FISHER, S. (1998), The Development of UK Academic Library Services in the Context of Lifelong Learning. South Bank University. London: Library Information Technology Centre.

CHARNES, A., COOPER, W.W., LEWIN, A.Y. and SEIFORD, L.M. (1994). Data envelopment analysis: theory, methodology, and application. Dordrecht: Kluwer Academic. (pp. 513).

CHARNES, A., COOPER, W.W. and RHODES, E. (1978). Measuring the efficiency of decision-making units. European Journal of Operational Research, 2, 429-444.

DAVIS, D. M., BERTOT, J.C. and McCLURE, C. R. (2009). Libraries connecting communities: Public Library Funding & Technology Access Study 2008–2009. Chicago: American Library Association.

ESTELITA LINS, M.P. and MEZA L.A. (org.). 2000. Análise envoltória de dados. Rio de Janeiro: COPPE/UFRJ. (pp. 232).

FERREIRA, M. A. Marques. and BRAGA, M. J. (2007). Eficiência das sociedades cooperativas e de capital na indústria de laticínios. Revista Brasileira de Economia, 61, 231-244.

Fundação Getúlio Vargas – FGV. Sitio oficial. Disponível em <http://www.fgv.br/ >. Acessado em: 16 novembro. 2011.

Fundação Getúlio Vargas. Primeiro censo nacional das bibliotecas públicas municipais: estudo quantitativo: principais resultados. Brasília, 2010. Disponível em: <http://www.advivo.com.br/documento/primeirocenso- nacional-de-bibliotecas-publicas-municipais-fgvminc >. Acesso em: 02 julho. 2013.

GARCIA, J. C. R., BARBOSA, J. R. and OLIVEIRA, B. M. J. (2011). Biblioteca Pública Brasileira: identidades e cenário político gerencial. Revista Percursos. Florianópolis, 12 (02), 106 -119.

GIJÓN, J. L. Evaluar para mejorar la calidad en la Biblioteca Pública, 1996. In VII Jornadas sobre Bibliotecas Públicas, San Sebastian, España. Junho, 1995. Asociación de Bibliotecarios y Documentalistas de Guipúzcoa, 77- 105.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. Sitio oficial. Disponível em <http://www.ibge.gov.br >. Acessado em: 15 novembro. 2011

Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística - IBOPE. Sitio oficial. Disponível em <http://www.ibope.com.br >. Acessado em: 20 outubro. 2011

INSTITUTO PRÓ-LIVRO. Retratos da leitura no Brasil. São Paulo: 2008. Disponível em: <http://www.prolivro.org.br/ipl/publier4.0/texto.asp?id=48 >. Acesso em: 02 julho. 2013.

LINDOSO, F. (2004.) O Brasil pode ser um país de leitores?: política para cultura/ política para o livro. São Paulo: Summus Editorial.

LOUISE, M. and JENNY. C. (1999). ''Changing libraries: the impact of national policy on UK library services''. Library Management, 20. Iss: 8, 425 – 430.

MACHADO, E. C. (2010). Análise de políticas públicas para bibliotecas no Brasil. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, 1 (1).

MANIFESTO DA IFLA/UNESCO PARA BIBLIOTECA ESCOLAR 1999. Disponível em: < http://archive.ifla.org/ VII/s11/pubs/portuguese-brazil.pdf>. Acesso em: 01 julho. 2013.

MELO, L. B. (2004). Estatísticas e avaliação da qualidade e do desempenho em bibliotecas e serviços de informação: investigações recentes e novos projectos. 2004 . In 8º Congresso Nacional de Bibliotecários Arquivistas e Documentalistas, Estoril (Portugal), 12-14.

MISSIO, F. and JACOBI. L. F. (2007). Variáveis dummy: especificações de modelos com parâmetros variáveis. Curso de Ciências Econômicas/Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul. Departamento de Estatística-CCNE/ UFSM. Ciência e Natura, UFSM, 29 (1), 111-135.

NETO, J. C. M. (2008). INSTITUTO PRÓ-LIVRO. Retratos da leitura no Brasil. São Paulo: 2008. Disponível em: < http://www.prolivro.org.br/ipl/publier4.0/texto.asp?id=48>.

NIELSEN, B. G. and BORLUND. P. (2011). Information literacy, learning, and the public library: A study of Danish high school students. Journal of Librarianship and Information Science.

ROSA, F. G. M. G. and ODDONE. N. (2006). Políticas públicas para o livro, leitura e biblioteca. Ciência da Informação, 35 (3), 183-193.

Secretaria de Cultura do Estado de Minas Gerais. Sitio oficial. Disponível em <http://www.cultura.mg.gov.br/ >. Acessado em: 28 outubro. 2011.

Secretaria de Estado e Cultura. Superintendência de Bibliotecas Públicas. Pesquisa Bianual sobre as Bibliotecas Públicas de Minas Gerais do ano de 2009.

SUAIDEN, E. J. (2000). A biblioteca pública no contexto da sociedade da informação. Ciência da informação. 29 (2). Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais – TCE/MG. Sitio oficial. Disponível em <http://www.tce. mg.gov.br >. Acessado em: 15 novembro. 2011.


Downloads

Downloads per month over past year

Actions (login required)

View Item View Item