Desvelando as caracterÍsticas da formação docente dos programas de pós-graduação em Ciência da Informação no Brasil

Autran, Marynice M. M. and Borges, Maria Manuel Desvelando as caracterÍsticas da formação docente dos programas de pós-graduação em Ciência da Informação no Brasil., 2013 . In VI Encontro Ibérico EDICIC, Porto (Portugal), 4-6 November 2013. [Conference paper]

[img]
Preview
Text
PORTUGAL_Desvelando as caracterÍsticas da formação docente dos programas de pós-graduação em Ciência da Informação no Brasil.pdf - Submitted version
Available under License Creative Commons Attribution.

Download (1MB) | Preview
[img]
Preview
Text
PORTUGAL_Desvelando as caracterÍsticas da formação docente dos programas de pós-graduação em Ciência da Informação no Brasil.pdf

Download (1MB) | Preview
[img]
Preview
Text
PORTUGAL_Desvelando as caracterÍsticas da formação docente dos programas de pós-graduação em Ciência da Informação no Brasil.pdf

Download (1MB) | Preview

English abstract

This paper aims to characterize the academic profile of the faculty of Postgraduate Programs in Information Science (PPGCI) and related areas in Brazil. It is a bibliographic and documental research carried out at the site of the National Association for Research and Postgraduate Studies in Information Science (ANCIB) in order to identify existing PPGCI. To establish the teacher`s names was held a survey on the websites of respective Programs. The survey allowed us to determine the presence of 218 teachers in the 15 PPGCI and 59 on the Programs of the related areas, working until December 31, 2012. CVs housed on CNPq Lattes Platform were analyzed to determine the academic training of teachers. To preserve the data integrity, the nomenclature used in the curriculum was maintained, although some variations on terminology for the same training were perceived.

Portuguese abstract

Este trabalho tem como objetivo caracterizar o perfil de formação acadêmica da comunidade docente dos Programas de Pós-Graduação em Ciência da Informação (PPGCI) e das Áreas Correlatas. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica e documental usando-se como fonte a literatura impressa e digital e os sítios da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciência da Informação (ANCIB) para identificar os PPGCI existentes, dos portais dos cursos para mapear o corpo docente e da Plataforma Lattes do CNPq para analisar os curricula vitae dos docentes. Esse levantamento permitiu determinar a existência de 218 professores nos 15 PPGCI e 59 nos três Programas das Áreas Correlatas, atuantes até 31 de dezembro de 2012. Os resultados preliminares indicam que 49% dos docentes dos PPGCI possuem graduação, 46% mestrado e 40,% dos doutores são titulados em Ciência da Informação, evidenciando solidez nos pilares da CI e, ao mesmo tempo, fortes indícios de interdisciplinaridade. Os resultados das áreas correlatas demonstram que 18,6% possuem graduação, 8% mestrado e 7% douto- ramento em CI.

Item type: Conference paper
Keywords: Faculty Academic Formation; Post-Graduation Programs in Information Science; Brazil; Formação acadêmica docente; Programas de Pós-Graduação em Ciência da Informação; Brasil
Subjects: A. Theoretical and general aspects of libraries and information.
G. Industry, profession and education.
Depositing user: Carla Ferreira
Date deposited: 07 Apr 2014 22:34
Last modified: 02 Oct 2014 12:31
URI: http://hdl.handle.net/10760/22842

References

"SEEK" links will first look for possible matches inside E-LIS and query Google Scholar if no results are found.

Bastos, B. B., & Silva, L. de J. O. L. (2009). A comunidade científica no contexto da mediação comunicacional global – afecção das dinâmicas cognitivas e sociais. In Conferências Lusófona, 6o SOPCOM/4oIBÉRICO (pp. 3677–3699). Lisboa: Universidade Lusófona. Retrieved from http://conferencias.ulusofona.pt/index.php/sopcom_iberico/sopcom_iberico09/paper/view/307

Becher, T., & Towler, P. R. (2001). Academic Tribes and Territories: Intellectual Enquiry and the Culture of Disciplines (p. 238). Open University Press. Retrieved from

http://books.google.com.br/books?id=Am5qQgAACAAJ

Bianchetti, L., & Machado, A. M. N. (2007). Reféns Da Produtividade» sobre produção do conheci- mento, saúde dos pesquisadores e intensificação do trabalho na PósGraduação. In 30 Reunião Anual da ANPEd. Caxambu: ANPED. Retrieved from

http://www.anped.org.br/reunioes/30ra/trabalhos/GT09-3503—Int.pdf

Bomfá, C. R. Z., & Silva, L. de J. O. L. (2009). A Comunidade científica Portuguesa – alguns dos recur- sos utilizados para a obtenção da visibilidade científica. In VIII Congresso LUSOCOM – Conferência Lusófona (pp. 2247–2261). Lisboa: Universidade Lusófona. Retrieved from http://conferen- cias.ulusofona.pt/index.php/lusocom/8lusocom09/paper/viewFile/198/174

Borges, M. M. (2006). A Esfera: Comunicação Acadêmica e Novos Media. Universidade de Coimbra.

Brasil. CAPES. (2007). Documento de Área 2004-2006 Ciências Sociais Aplicadas I (Comunicação,

Ciência da Informação e Museologia). Retrieved January 12, 2013, from

http://www.capes.gov.br/images/stories/download/avaliacaotrienal/doc_areas_trie- nal_2007/2007_Ciencias_Sociais_AplicI_Aval2004-2006.pdf

Brasil. CAPES. (2010). Documento de Área 2009. Retrieved December 07, 2012, from http://www.capes.gov.br/images/stories/download/avaliacao/SOC_APLIC_07mai10.pdf

Brasil.CAPES. (2004). Documento de área 2001-2003. Retrieved December 07, 2012, from http://www.capes.gov.br/images/stories/download/avaliacao/2003_031_Doc_Area.pdf

Costa, J. L. O. (2009). Padrões de comunicação em diferentes comunidades científicas. Universidade do Minho.

Daura, A. P., & Galvão, M. C. B. (2011). O Perfil Docente e a Interdisciplinaridade: Estudando os Cur- sos de Graduação do Campo da Ciência da Informação no Brasil. Revista EDICIC, 1(3), 229–247. Retrieved from http://www.edicic.org/revista/index.php?journal=RevistaEDICIC&page=arti- cle&op=view&path[]=62

Fleck, L. (1979). Genesis and the Development of a Scientific Fact. (T. J. Trenn & R. Merton, Eds.) (p. 205). Chicago: University of Chicago Press.

Galindo, M., & Azevedo Netto, C. X. (2008). Distribuição dos recursos de formação em Pós-graduação?: O caso da Ciência da Informação no Nordeste do Brasil 1. In ANCIB (Ed.), IX Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação (p. 12). São Paulo: USP.

Gomes, M. Y. (2009). Desafios Atuais da Ciência da Informação no Brasil. Perspectivas em Ciência da Informação, 14(3), 190–205.

Kuhn, T. (1978). A Estrutura das Revoluções Científicas. São Paulo: Perspectiva.

Le Coadic, Y. F. (2004). A Ciência da Informação (2nd ed.). Brasília: Briquet de Lemos/Livros.

Maués, O. (2008). A Política de Educação Superior para a Formação e o Trabalho Docente: A Nova Regulação Educacional. In ANPED (Ed.), Anais da XXXI Reunião Anual da ANPEd (p. 15). Caxambu. Retrieved from http://www.anped.org.br/reunioes/31ra/1trabalho/GT11-3974—Int.pdf

Meadows, A. J. (1999). A comunicação científica (p. 268). Brasília: Briquet de Lemos/Livros. Merton, R. K. (1973). The sociology of science: theoretical and empirical investigations (p. 605). Chi-

cago: The University of Chicago.

Mota Júnior, W. P., & Maués, O. C. (2010). A Nova Regulação Educacional e o Trabalho Docente na Pós-Graduação Brasileira. In ANPEd (Ed.), Anais da XXXIII Reunião Nacional da ANPEd (p. 13). Caxambu. Retrieved from http://www.anped.org.br/33encontro/app/webroot/files/file/Tra- balhos em PDF/GT11-6326—Int.pdf

Desvelando as caracterÍsticas da formação docente dos programas de pós-graduação tema 4 Noronha, D. P., & Fujino, A. (2009). Teses e dissertações em Ciência da Informação?: a multidiscipli-

naridade não revelada na avaliação da produção científica. Transinformação, 21(2), 123-132. Oliveira, D. (2011). A Influência da Ciência da Informação nos Cursos de Graduação em Biblioteco-

nomia no Brasil: Formação Docente, Aspectos Teóricos e Manifestações Temáticas. UFMG.

Pinheiro, L. V. R. (2009). Configurações Disciplinares e Interdisciplinares da Ciência da Informação no Ensino e Pesquisa. In M. M. Borges (Ed.), A Ciência da Informação Criadora do Conhecimento (pp. 99–111). Coimbra: Univeersidade de Coimbra.

Pinheiro, L. V. R., & Loureiro, J. M. M. (2004). Políticas Públicas de C&T, ICT e de Pós-Graduação e o Surgimento da Ciência da Informação no Brasil. In Anais do V CINFORM. Salvador. Retrieved from http://www.cinform.ufba.br/v_anais/artigos/vaniajose.html

Población, D. A. (1993). Investigación y Estudios de Posgrado em Ciencia de la Información y Biblio- teconomía en Brasil: Dos Etapas (1979-1985 y 1986-1992). Ciências de la Información, 24(1), 16-21.

Población, D. A. (2005). Visibilidade da produção científica gerada pelos docentes e egressos dos Programas de Pós-graduação em Ciência da Informação e as interfaces com os Grupos de Pes- quisa da área, constantes do Diretório do CNPq. DataGramaZero – Revista de Ciência da Infor- mação, 6(1).

Población, D. A., & Noronha, D. P. (2000). Ciencia de la Información en Brasil: Perfil Lineas de Inves- tigación de los Docentes/Doctores de los Programas de Pos-Grado del Area. In IDICT (Ed.), INFO 2000 (Vol. 2, p. 24). Havana.

Población, D. A., & Noronha, D. P. (2002). Produção das literaturas «branca» e «cinzenta» pelos docentes/doutores dos programas de pós-graduação em ciência da informação no Brasil. Ciên- cia da Informação, 31(2), 98-106.

Población, D. A., Noronha, D. P., Silva, J. F. M., Prazeres, A. P. P., Saito, É., Queiroz, F. M., ... Hyodo, T. (2004). Evolução do perfil do corpo docente dos programas de pós-graduação em ciência da informação. In XIII Seminário Nacional de Bibliotecas Universitárias (p. 16). Natal.

Población, D. A., Prazeres, A. P. P., & Oliveira, L. C. (2006). Evolução dos Grupos de Pesquisa em Ciên- cia da Informação Cadastradaos no Diretório do CNPq. In Anais XIV Seminário Nacional de Bibliotecas Universitárias. Salvador.

Polaniy, M. (1968). The Republic of Science its Political and Economic Theory. In E. Shils (Ed.), Crite- ria for Scientific Development (pp. 1-21). Cambridge: MIT Press.

Schwartzman, S. (2001). Um Espaço para a Ciência: a Formação da Comunidade Científica no Bra- sil. Brasília: Ministério de Ciência e Tecnologia. Retrieved from

http://ia600809.us.archive.org/25/items/UmEspacoParaACienciaFormacaoDaComunidade- CientificaNoBrasil/espaco_port.pdf

Silva, L. (2002). Implicações Cognitivas e Sociais da Globalização das Redes e Serviços Telemáticos: Estudo das Implicações da Comunicação Reticular na Dinâmica Cognitiva e Social da Comuni- dade Científica. Universidade de Aveiro.

Stumpf, I. R. C. (2009). A Ciência da Informação no Brasil Através de seus Programas de Pós-Gra- duação. In M. M. Borges (Ed.), A Ciência da Informação Criadora do Conhecimento (pp. 167-175). Coimbra: Universidade de Coimbra.

Szczepanik, G. E. (2013). A Concepção de Comunidade Científica Segundo Thomas Kuhn. Retrieved March 20, 2013, from http://www.paradigmas.com.br/parad27/p27.9.htm

Vieira, A. da S. (1995). Na janela do tempo com o IBBD e Drummond: passagens, transformações e novos desafios em educação. Ciência da Informação, 24(1). Retrieved from

http://revista.ibict.br/ciinf/index.php/ciinf/article/view/528/480 Ziman, J. M. (1979). Conhecimento Público. EDUSP.

1535


Downloads

Downloads per month over past year

Actions (login required)

View Item View Item